RedeCultural
INSCREVER
PESQUISAR
TOP DIVULGADORES
PERGUNTAR
CONVIDAR
E-MAIL
PASSWORD
Inscreva-se gratuitamente na RedeCultural para receber uma newsleter semanal personalizada e/ou divulgar eventos culturais.
Quanto mais rede,
mais cultural.
FESTIVAL Y#09 | TIAGO RODRIGUES > SE ...
Teatro
Última ocorrência:
// 21 de Junho de 2011
// Auditório Teatro das Beiras
// Castelo Branco
// Custo desconhecido
<< REGRESSAR À LISTA DE EVENTOS ANTERIOR <<
Calendário com as ocorrências deste evento (marcadas a cor-de-rosa):
Junho de 2011
01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30
 // FESTIVAL Y#09 | TIAGO RODRIGUES > SE UMA JANELA SE ABRISSE
DESCRIÇÃOSobre "Se uma janela se abrisse":
O que vemos, quando assistimos às notícias, às oito da noite, num canal de televisão? Uma proposta da realidade. Uma empresa de jornalismo diz-nos o que é importante no espaço/tempo de um dia. E diz-nos que aquela é a realidade de que fazemos parte. Uma realidade onde, regra geral, nenhum dos nossos pensamentos ou gestos diários estão registados.
Tiago Rodrigues fez um primeiro esboço deste projecto que apresentou a solo no Teatro Maria Matos, em 2009, com o título “Outro dia”. Recorrendo à “dobragem” de vozes, substituiu as palavras de um telejornal por outras palavras, as suas, na tentativa de contar a história de um outro dia. Esta primeira experiência continua a dar mote para esta nova produção.
Substituir o discurso público pelo íntimo é o ponto de partida de “Se uma janela se abrisse”, um espectáculo que descobre formas alternativas de falar dos factos que são “notícia”. A partir daí, nasce um outro “jornalismo”, à escala humana de um palco, onde um olhar entre dois actores pode ter a mesma importância que o fenómeno do aquecimento global.
O título do espectáculo nasce dos versos de Alberto Caeiro, ele próprio versão pública da intimidade de Pessoa: “Há só uma janela fechada, e todo o mundo lá fora / E um sonho do que se poderia ver se a janela se abrisse / Que nunca é o que se vê quando se abre a janela”.

Ficha artística:
Texto e encenação > Tiago Rodrigues
Interpretação > Paula Diogo, Cláudia Gaiolas, Tónan Quito, Tiago Rodrigues e DJ ALX
Vídeo > Bruno Canas e Tiago Rodrigues
Sonoplastia e banda sonora > DJ ALX
Cenário, figurinos e luzes > Magda Bizarro e Tiago Rodrigues
Produção executiva e fotografia > Magda Bizarro
Assistência de produção > Mariana Sampaio
Apoio técnico > Vítor Pinto
Apoio > Ana Sousa Ateliê
Produção > Mundo Perfeito
Co-produção > Alkantara Festival e Teatro Nacional D. Maria II
Colaboração especial de João Adelino Faria
Com o apoio da Direcção de Informação da RTP

classificação etária: maiores 12 anos | duração: 75 min. | género: teatro

*“Se uma janela se abrisse” foi nomeado para espectáculo do ano de 2010 pela SPA.
LOCALAuditório Teatro das Beiras
MORADATravessa da Trapa nº 2, apartado 261
DISTRITOCastelo Branco
E-MAILqp@quartaparede.pt
WEBSITEhttp://www.quartaparede.pt
HORARIO21:30
CUSTOCusto desconhecido
DIVULGADORQuarta Parede - Associação de Artes performativas da Covilhã
>> DENUNCIAR ESTE EVENTO OU AVISAR QUE ESTES DADOS NÃO ESTÃO CORRECTOS <<
>> PARTILHAR ESTE EVENTO NO FACEBOOK >>
<< REGRESSAR À LISTA DE EVENTOS ANTERIOR <<
Bibliofeira