RedeCultural
INSCREVER
PESQUISAR
TOP DIVULGADORES
PERGUNTAR
CONVIDAR
E-MAIL
PASSWORD
Inscreva-se gratuitamente na RedeCultural para receber uma newsleter semanal personalizada e/ou divulgar eventos culturais.
Quanto mais rede,
mais cultural.
WORKSHOP DE TAR FRAME DRUM - INICIAÇÃO
Música e Workshop
Última ocorrência:
// 06 de Novembro de 2011
// DançAttitude
// Lisboa
// Não gratuito
<< REGRESSAR À LISTA DE EVENTOS ANTERIOR <<
Calendário com as ocorrências deste evento (marcadas a cor-de-rosa):
Novembro de 2011
01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30
 // WORKSHOP DE TAR FRAME DRUM - INICIAÇÃO
DESCRIÇÃOWORKSHOP  DE TAR FRAME DRUM - INICIAÇÃO

O Tar é um instrumento da família dos Frame Drums, ou tambores de moldura, da qual fazem parte também o Afufe, o Bendir marroquino, o Douf egípcio, o Daf iraniano, o Riqq, encontrado em vários países do médio-oriente, o Pandeiro brasileiro, entre tantos outros espalhados pelo mundo e encontrados em vários contextos sociais e religiosos.
Os Frame Drums, em geral, são instrumentos muito antigos - os vestígios mais antigos são encontradas na arte da Mesopotamia em 3000 a.C. - e sempre foram reconhecidos como tendo poderes mágicos, que permitem fazer a ‘ponte’ entre o terreno e o divino.
Foram amplamente tocados nas sociedades matriarcais, em cultos de celebração à Deusa, e em cerimónias ou rituais de ‘passagem’. Com a implementação das sociedades patriarcais, o uso dos Frame Drums em contexto religioso, foi sendo reduzido consideravelmente, ficando confinado ao contexto meramente musical e artístico.
O Tar tem as suas origens no Norte de África e Médio-Oriente, tal como a técnica base  para o tocar. Mas hoje em dia, e com a crescente ‘globalização’, até na música se sente o efeito deste fenómeno, que faz com que haja cruzamento de técnicas e repertório rítmico de uns instrumentos para outros, de umas áreas geográficas para outras. Assim sendo, é possível encontrar uma abordagem moderna à técnica deste e de outros instrumentos, que até há bem pouco tempo eram apenas tocados na sua forma tradicional. Nesta aprendizagem, haverá um cruzamento da técnica tradicional base, com uma abordagem mais actualizada, com vista ao desenvolvimento das capacidades motoras e rítmicas, que permitem a expressão musical através deste instrumento.
O Tar faz vibrar a Alma…mesmo junto ao Coração.



PROGRAMA E MÉTODO

Sendo oriundo de uma zona geográfica onde sempre prevaleceu a tradição oral e por ser uma forma de aprendizagem bastante orgânica, este será o método base para apreender a informação relativa ao Tar. Porém, o aluno é incentivado a ter o seu caderno de apontamentos e a desenvolver os seus próprios mecanismos de assimilação da informação dada - sempre com o apoio e monitorização do professor.

• Introdução e contextualização histórica da importância dos Frame Drums na evolução humana, religiosa e musical
• Papel do Tar no passado e presente
• Esclarecimento breve sobre os diferentes nomes e técnicas associadas ao Tar
• Notas base Dum, Ta, Ka, Pa
• Exercícios de coordenação tocados, vocalizados e expressos em movimento, que visam desenvolver a técnica necessária para tocar o Tar,  aumentar a nossa capacidade de concentração, níveis de realização e auto-confiança




OBJECTIVOS

• tornar possível a expressão musical através do Tar
• melhorar o nosso ‘sentido’ musical e rítmico
• apurar a nossa coordenação motora
• desenvolver e ampliar a comunicação e independência entre os nossos hemisférios cerebrais



6 de Novembro, das 15h às 18h
Preço 40€

Número mínimo de participantes - 3
Vagas disponíveis - 8
Inscrições até dia 4 de Novembro



BIO BREVE BALTAZAR MOLINA

Iniciou o seu percurso musical através da Guitarra clássica e da Darbuka, sendo que nos últimos 10 anos tem vivido uma intensa conexão com a cultura musical de vários países do Médio-Oriente e Ásia Central.
Actualmente prossegue o estudo de vários Frame Drums e as suas características sonoras, energéticas e terapêuticas, Darbuka, Zarb, Riqq e Oud.
Embora maioritariamente auto-didacta, frequentou a escola Jeunesses Musicales e teve formação com Shokry Mohamed, Atef Mitkal Kenawy, Pedram Khavarzamini, Zohar Fresco e Ross Daly.
Além do percurso a solo, integra a formação de vários grupos musicais, lecciona aulas de Darbuka e Frame Drums, participa activamente no cenário de Dança Oriental, através de formação e performance, e produz os Ciclos al-Mah.


LOCALDançAttitude
MORADATravessa Escola Araújo Nº 3A
Estefânia
DISTRITOLisboa
E-MAILinfo@baltazarmolina.com
WEBSITEhttp://baltazarmolina.com
HORARIO15:00
CUSTO40€
DIVULGADORBaltazar Molina
>> DENUNCIAR ESTE EVENTO OU AVISAR QUE ESTES DADOS NÃO ESTÃO CORRECTOS <<
>> PARTILHAR ESTE EVENTO NO FACEBOOK >>
<< REGRESSAR À LISTA DE EVENTOS ANTERIOR <<
 // PRÓXIMOS EVENTOS RELACIONADOS
13º CURSO GERAL DE...
Cinema e Workshop
// 18 de Dezembro de 2017
// Rua Latino Coelho, 8...
// Lisboa
// Não gratuito
DANIELA NUNES @ GAL...
Exposição
// 16 de Dezembro de 2017
// Galeria Bangbang
// Lisboa
// Gratuito
Bibliofeira