RedeCultural
INSCREVER
PESQUISAR
TOP DIVULGADORES
PERGUNTAR
CONVIDAR
E-MAIL
PASSWORD
Inscreva-se gratuitamente na RedeCultural para receber uma newsleter semanal personalizada e/ou divulgar eventos culturais.
Quanto mais rede,
mais cultural.
ZARABADIM
Teatro e Infantil
Última ocorrência:
// 09 de Fevereiro de 2014
// Centro Cultural da Malaposta
// Lisboa
// Não gratuito
<< REGRESSAR À LISTA DE EVENTOS ANTERIOR <<
Calendário com as ocorrências deste evento (marcadas a cor-de-rosa):
Novembro de 2013
01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30
Dezembro de 2013
01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31
Janeiro de 2014
01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31
Fevereiro de 2014
01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29
 // ZARABADIM
DESCRIÇÃOSINOPSE
ZARABADIM começou por ser uma série de televisão escrita e gravada em 1984.
Nos bastidores de um teatro, um menino e uma menina veem um mágico a ensaiar os seus truques.
Quando o mágico sai, os dois meninos resolvem entrar no chapéu para verem onde é que nasce a magia.
É claro que é difícil entrar num chapéu e só o conseguem graças a pozinhos de perlimpimpim e à palavra mágica ZARABADIM.
Os dois descem, descem, descem e vão ter ao mundo da magia onde conhecem o Palhaço, a Bailarina, a Galinha, o Pinguim e o Livro-que-sabe-tudo.
Com eles, brincando, vão conhecer as letras, os números, as cores, as palavras, as horas de uma forma divertida e aventurosa. E vão ainda refletir sobre o medo, a pressa e o nascimento porque todo o mergulho na fantasia é também uma forma de renascer para o conhecimento que foi depois a preocupação de outros programas a começar pela própria “Rua Sésamo”.
ZARABADIM, agora no teatro, com texto de José Fanha e música de Carlos Alberto Moniz (autores da série original) pretende celebrar essa série televisiva, trabalhando o seu entrecho de uma forma nova e atualizada, teatral e não televisiva, mas igualmente divertida, num cruzamento de magia e brincadeira.
Os próprios espectadores entram pelo chapéu para a plateia que os leva a assistir à ação que transforma o palco no que será o "fundo do chapéu", o mundo da fantasia, das palavras, das letras
O Livro-que-sabe-tudo procura contar a história original mas é permanentemente interrompido por um sem número de acontecimentos, protestos, confusões, jogos e brincadeiras onde os outros personagens cruzam memórias do programa de televisão com novas formas de articular e dar vida aos elementos estruturantes da aprendizagem básica de uma criança; para isso José Fanha e Carlos Alberto Moniz criaram um novo texto e novos arranjos musicais.
Os primeiros personagens são o Livro-que-sabe-tudo e o Palhaço. O primeiro é uma espécie de dicionário, enciclopédia, atlas, livro de histórias ou de antepassado dos computadores, o outro é princípio do brincar como ação que melhor conduz o crescimento da criança.
Segue-se o Pinguim Parafuso Pistarim, o cientista, inventor de todas máquinas, as necessárias que nascem de braço dado come as mais impossíveis e delirantes como a Palavreira que produz palavras novas ou a máquina de passar por dentro.
A Bailarina é a nossa princesa, boneca, artista lírica, pura e ingénua em busca da beleza.
A Galinha é a mãe que põe ovos e dá origem a tudo. A mãe que protege e alimenta. A mãe que protesta e barafusta mas que está sempre disposta a ajudar e a ensinar os filhos no seu crescimento.
ZARABADIM desenrola-se numa estética que vai do trabalho de clown ao teatro musical, passando pela manipulação de marionetas e as sombras chinesas, e parte da ideia de que conhecer é bom. Conhecer é divertido. Conhecer é uma festa.
E para conhecer temos de começar pelas palavras. Porque é de palavras que se faz o conhecimento.
É com palavras que podemos falar uns com os outros. E connosco próprios.
Também é com palavras que se conta uma história e é com a palavra "ZARABADIM" que os convidamos a entrar neste mundo mágico.

FICHA TÉCNICA E ARTÍSTICA
autoria JOSÉ FANHA
música original CARLOS ALBERTO MONIZ
encenação, cenografia e figurinos PAULO OOM
elenco ANDRÉ ALBUQUERQUE, CATARINA MAGO, HÉLDER GAMBOA, LUÍS MOREIRA e SOFIA RAMOS
operação de som e luz JOÃO NEVES
design gráfico GONÇALO FERREIRA
fotografia MARGARIDA NUNES
adereços NATÉRCIA COSTA
colaboradores SARA SANTOS, FLORIVAL FELIPE E CARLOS SILVA
guarda-roupa MANUEL MOREIRA e ROSÁRIO BALBY
colaboradores VERA SILVEIRA e JOSÉ TEIXEIRA
cenário ANTÓNIO PLÁCIDO, JOSÉ FRANÇA, JOSÉ MANECAS e RUI TRINDADE
promoção (Tenda) MIGUEL MANAÇAS
coprodução TENDA PRODUÇÕES e MALAPOSTA

50 MINUTOS | M/4

RESERVAS
219 383 100

APOIOS
Junta de Freguesia de Carnide, Natural Hair Spa e Turismo de Lisboa

www.tenda.pt
www.malaposta.pt
LOCALCentro Cultural da Malaposta
MORADARua de Angola, Olival Basto
(perto do Metro Senhor Roubado)
DISTRITOLisboa
TELEFONE219383100
E-MAILinfo@malaposta.pt
WEBSITEhttp://goncaloferreir0.wix.com/zarabadim
HORARIOde 16 de novembro de 2013 a 9 de fevereiro de 2014
de 3ª a 6ª feira, às 10h30 e às 14h30 (para escolas e grupos - sujeito a marcação)
sábados às 16h e domingos às 11h (público em geral)
CUSTO6 euros - preço único
DIVULGADORGonçalo Ferreira
>> DENUNCIAR ESTE EVENTO OU AVISAR QUE ESTES DADOS NÃO ESTÃO CORRECTOS <<
>> PARTILHAR ESTE EVENTO NO FACEBOOK >>
<< REGRESSAR À LISTA DE EVENTOS ANTERIOR <<
 // PRÓXIMOS EVENTOS RELACIONADOS
13º CURSO GERAL DE...
Cinema e Workshop
// 20 de Novembro de 2017
// Rua Latino Coelho, 8...
// Lisboa
// Não gratuito
WORKSHOP INTELIGêN...
Workshop
// 25 de Novembro de 2017
// RG Mindset
// Lisboa
// Não gratuito
Bibliofeira