RedeCultural
INSCREVER
PESQUISAR
TOP DIVULGADORES
PERGUNTAR
CONVIDAR
E-MAIL
PASSWORD
Inscreva-se gratuitamente na RedeCultural para receber uma newsleter semanal personalizada e/ou divulgar eventos culturais.
Quanto mais rede,
mais cultural.
“36, AVENUE GEORGES MANDEL” - RAIMUND HO...
Dança
Última ocorrência:
// 20 de Abril de 2009
// MAC - Museu de Arte Contemporânea de Serralves
// Porto
// Custo desconhecido
<< REGRESSAR À LISTA DE EVENTOS ANTERIOR <<
Calendário com as ocorrências deste evento (marcadas a cor-de-rosa):
Abril de 2009
01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30
 // “36, AVENUE GEORGES MANDEL” - RAIMUND HOGHE
DESCRIÇÃOAuditório de Serralves
20 Abr, 22h00
DANÇA
“36, Avenue Georges Mandel”
RAIMUND HOGHE

Maria Callas é a figura central da peça 36, Avenue Georges Mandel, o solo mais recente de Raimund Hoghe, evocativo do legado da famosa artista e, em paralelo, da obra pessoal do coreógrafo. Alusiva à última morada de La Callas, 36, Avenue Georges Mandel é uma peça austera e contida que se inspira simbolicamente na voz gloriosa da diva para sugerir emoções e memórias associadas à sua vida, à vida de Raimund Hoghe e à humanidade.

Raimund Hoghe nasceu em Wuppertal e começou a sua carreira a escrever para o semanário alemão Die Zeit retratos de personagens estranhos e celebridades, que posteriormente foram compilados em vários livros. Entre 1980 e 1990 foi dramaturgo do Tanztheater Wuppertal de Pina Bausch, o que veio igualmente a dar origem a mais dois livros. Desde 1989 que cria as suas próprias peças para actores e bailarinos, e desde 1992 que mantém colaboração com o artista visual Luca Giacomo Schulte. Em 1994 criou o primeiro solo para si próprio, Meinwärts, que, juntamente com os ubsequentes Chambre séparée (1997) e Another Dream (2000) constituem uma trilogia sobre o séc. XX. Raimund Hoghe tem trabalhado frequentemente em televisão, em projectos como Der Buckel, um auto-retrato de uma hora feito em 1997 para WDR (Rádio e Televisão Alemã Ocidental). Os seus livros estão traduzidos em várias línguas e tem apresentado os seus espectáculos por toda a Europa, no Japão e Austrália. Vive em Düsseldorf e recebeu vários prémios, incluindo o Deutscher Produzentenpreis für Choreographie (Prémio de Coreografia dos Produtores Alemães), em 2001, o le Prix de la critique Française (Prémio da Crítica Francesa), em 2006, pelo espectáculo Swan Lake, 4 Acts na categoria ”Meilleur spectacle étranger” (Melhor Espectáculo Estrangeiro) e em 2008, os críticos da Revista Ballet-tanz consagraram-no “Danseur de l’année” (Coreógrafo e Intérprete do Ano).


O Ciclo DOCUMENTE-SE! prossegue em 2009, mantendo uma estrutura semelhante à da primeira edição em  2008 mas com um novo mote: Registos na primeira pessoa.

A iniciativa concretiza uma parceria entre o Departamento de Sociologia e o Instituto de Sociologia da Faculdade de Letras da Universidade do Porto (DS-FLUP e IS-FLUP), o Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-ISCTE) e o Serviço de Artes Performativas da Fundação de Serralves, e revela uma reflexão crítica sobre as sociedades contemporâneas, em estreita articulação com uma heterogeneidade de formas de expressão artística.

Nesta segunda edição, o DOCUMENTE-SE! é enformado por um debate mais focalizado. Trata-se de propor uma reflexão acerca dos Registos na primeira pessoa: documentar o social a partir de registos assumidamente pessoais, e perspectivar o olhar dos sujeitos sobre as suas práticas, vivências e opções de vida. Estes olhares, necessariamente distintos, constituem um contributo precioso para compreender o social pelo enfoque singular. O indivíduo adquire a centralidade no registo, quer como objecto de interesse, quer como criador da representação. O actor social documenta-se pelo documento que recria. Propõe-se promover um conjunto de reflexões artísticas e científicas sobre os usos, as estéticas, as especificidades e as formas dos Registos na primeira pessoa.


Esta actividade pertence ao ciclo CICLO DOCUMENTE-SE! REGISTOS NA PRIMEIRA PESSOA

Fundação de Serralves
LOCALMAC - Museu de Arte Contemporânea de Serralves
MORADARua D. João de Castro, 210
DISTRITOPorto
E-MAILserralves@serralves.pt
WEBSITEhttp://www.serralves.pt/actividades/detalhes.php?id=1573
HORARIO22:00
CUSTOCusto desconhecido
DIVULGADORLeinadF
>> DENUNCIAR ESTE EVENTO OU AVISAR QUE ESTES DADOS NÃO ESTÃO CORRECTOS <<
>> PARTILHAR ESTE EVENTO NO FACEBOOK >>
<< REGRESSAR À LISTA DE EVENTOS ANTERIOR <<
 // PRÓXIMOS EVENTOS RELACIONADOS
18º CONGRESSO INTE...
Palestra e Workshop
// 23 de Novembro de 2017
// Legião da Boa VOntade
// Porto
// Gratuito
FAMILIAS ARGILOSAS
Workshop
// 03 de Dezembro de 2017
// Museu do Vinho do pOrto
// Porto
// Não gratuito
18º CONGRESSO INTE...
Palestra
// 23 de Novembro de 2017
// Legião da Boa Vontade
// Porto
// Gratuito
Bibliofeira