RedeCultural
INSCREVER
PESQUISAR
TOP DIVULGADORES
PERGUNTAR
CONVIDAR
E-MAIL
PASSWORD
Inscreva-se gratuitamente na RedeCultural para receber uma newsleter semanal personalizada e/ou divulgar eventos culturais.
Quanto mais rede,
mais cultural.
NUNCA - EXPOSIÇÃO DE JOSÉ JÚPITER.
Exposição
Última ocorrência:
// 26 de Dezembro de 2009
// Galeria Colorfoto
// Porto
// Gratuito
<< REGRESSAR À LISTA DE EVENTOS ANTERIOR <<
Calendário com as ocorrências deste evento (marcadas a cor-de-rosa):
Novembro de 2009
01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30
Dezembro de 2009
01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31
 // NUNCA - EXPOSIÇÃO DE JOSÉ JÚPITER.
DESCRIÇÃOO fotógrafo

José Carlos Duarte nasceu em Juncal do Campo, Castelo Branco, em 1971. Muda-se para Lisboa em 1990 para se licenciar em Engenharia Informática. Tem nessa altura o primeiro contacto com a fotografia e, durante os dois anos seguinte, realiza três exposições mas desiste por vários anos e muda-se para o Porto. Regressa a Lisboa em 2003 e recomeça a fotografar dois anos depois usando o pseudónimo José Júpiter. Frequenta o Atelier de Lisboa desde 2008 e recebe uma menção honrosa no "Novos Talentos FNAC Fotografia 2008" com o trabalho "A&J", em exposição itinerante pelas várias lojas FNAC do país. Recomeça a expor em 2009, apresentando os trabalhos "Ursa Maior", "A Guerra dos Lobos", "Evidência" (integrado no "Projecto Alvito", do Atelier de Lisboa) e "Nunca".

A Exposição

(...)
Para os fotógrafos como José Júpiter nada é indiferente. Nada lhes passa despercebido nada é desprezível. Na sua produção incansável de imagens só têm como critério fugir do consensual, daquilo que se afirma a partir das imagens produzidas por todos os outros não fotógrafos. As suas imagens passam pela construção de uma contracultura; não exactamente no sentido radical de ruptura com a realidade social mas num sentido em que, precisamente, a partir dessa realidade, supostamente indiferente e perversamente domesticada, se afirmará o seu olhar irónico, crítico ou redentor.
No caso de José Júpiter este olhar pode ser muito subtil: dissimulado num enquadramento de uma empena lateral; na atenção sobre um objecto deslocado; na inquietação do que não se consegue ver por um tapume; ou sobre um sentido generalizado de inacção… No conjunto a atenção sobre objectos e espaços que, não sendo necessariamente disfuncionais, também não se esforçam por expressar sentido. Esta leitura é ainda reforçada pela ausência de pessoas o que contribui ainda para um afastamento da tradicional composição entre figura e fundo. No plano destas imagens tudo se torna sujeito.
(...)

Pedro Bandeira, Novembro de 2009
LOCALGaleria Colorfoto
MORADAR Sá da Bandeira, 526
DISTRITOPorto
E-MAILgaleria@colorfoto.pt
WEBSITEhttp://galeriacolorfoto.com
HORARIO16:00
CUSTOGratuito
DIVULGADORGaleria Colorfoto
>> DENUNCIAR ESTE EVENTO OU AVISAR QUE ESTES DADOS NÃO ESTÃO CORRECTOS <<
>> PARTILHAR ESTE EVENTO NO FACEBOOK >>
<< REGRESSAR À LISTA DE EVENTOS ANTERIOR <<
 // PRÓXIMOS EVENTOS RELACIONADOS
18º CONGRESSO INTE...
Palestra
// 23 de Novembro de 2017
// Legião da Boa Vontade
// Porto
// Gratuito
FAMILIAS ARGILOSAS
Workshop
// 03 de Dezembro de 2017
// Museu do Vinho do pOrto
// Porto
// Não gratuito
18º CONGRESSO INTE...
Palestra e Workshop
// 23 de Novembro de 2017
// Legião da Boa VOntade
// Porto
// Gratuito
Bibliofeira